PreservaSP
27/Junho/2017, 09:10:04 *
Bem-vindo, Visitante. Por favor faça o Login ou Registe-se.

Login com nome de usuário, senha e duração da sessão
Notícias:


Abaixo-assinado pela criação do Parque de Pinheiros, o 1o. do bairro! Assine e divulgue!


 
   Home   Ajuda Pesquisa Calendário Login Registre-se  
Páginas: [1]   Ir para o Fundo
  Imprimir  
Autor Tópico: Demolição de casarão gera protesto nos Jardins, em SP  (Lida 4907 vezes)
0 Membros e 1 Visitante estão vendo este tópico.
Tatiane Cornetti
Administrator
Membro Master
*****

Karma: 0
Offline Offline

Mensagens: 729


Ver Perfil Email
« : 10/Fevereiro/2009, 08:48:49 »

Demolição de casarão gera protesto nos Jardins, em SP
Agência Estado

07/02 - 14:00

SÃO PAULO - Entidades de preservação promoveram hoje protestos contra a demolição de um casarão, construído no início do século passado, no bairro dos Jardins, região central da capital paulista. As entidades Preserva São Paulo e Sociedade Amigos do Bairro Cerqueira César (Samorcc) buscam junto ao Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural e Ambiental da Cidade de São Paulo (Conpresp) o tombamento do imóvel, considerado um exemplo de arquitetura pré-moderna, localizado na esquina da Alameda Santos com a Rua Haddock Lobo.



Segundo o presidente da Preserva São Paulo, o advogado Eduardo Rubies, apesar de todos os pareceres técnicos favoráveis, "o pedido do tombamento foi estranhamente derrotado", em votação ocorrida durante a semana. Dos nove conselheiros do Conpresp, cinco votaram contra a preservação histórica do casarão, entre eles, conta Rubies, o vereador Toninho Paiva (PR), vice-presidente da Comissão de Política Urbana, Metropolitana e Meio Ambiente.

As entidades, afirma o advogado, se preparam para recorrer da decisão e solicitar o tombamento diretamente ao Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico, ligado à Secretaria Estadual da Cultura (Condephaat). Mas foram surpreendidas com o início do processo de demolição do imóvel na manhã de hoje.

Segundo a advogada Célia Marcondes, que preside a Samorcc, também causa estranheza que os proprietários tenham obtido um alvará para a demolição apenas dois dias depois da votação no Conpresp. "Para conseguir derrubar uma edícula neste bairro, às vezes chega a demorar dois meses para conseguir autorização", protesta. O alvará foi expedido pela Subprefeitura de Pinheiros.

Como parte do trabalho de demolição, já foram retiradas as portas e as janelas do casarão. As entidades se preparam para, na manhã de segunda feira, entrar na Justiça com pedido de liminar suspensiva da derrubada. "Vamos até o fim desta causa. O casarão é patrimônio histórico e cultural da cidade e precisa ser preservado". Os proprietários do imóvel não foram localizados.

LINKS:
IG - http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2009/02/07/demolicao+de+casarao+gera+protesto+nos+jardins+em+sp+3913941.html
BOL - http://noticias.bol.uol.com.br/brasil/2009/02/07/ult4469u37083.jhtm
ESTADÃO - http://www.estadao.com.br/noticias/geral,demolicao-de-casarao-gera-protesto-nos-jardins-em-sp,319926,0.htm
ABRIL - http://www.abril.com.br/noticias/brasil/demolicao-casarao-gera-protesto-jardins-sp-262163.shtml
YAHOO - http://br.news.yahoo.com/s/07022009/25/manchetes-demolicao-casarao-gera-protesto-nos.html
AMBIENTE JÁ - http://www.ambienteja.info/2008/ver_cliente.asp?id=142341
DEFENDER - http://www.defender.org.br/demolicao-de-casarao-gera-protesto-nos-jardins-em-sp/
Registrado
Páginas: [1]   Ir para o Topo
  Imprimir  
 
Ir para:  

Powered by MySQL Powered by PHP Powered by SMF 1.1.4 | SMF © 2006, Simple Machines LLC XHTML 1.0 Válido! CSS Válido!